EMESP

MENU

Aluno da EMESP é aprovado em conservatório de Viena

31 de maio de 2017

O violinista Cauê Régio lançou vaquinha virtual para custear os seus estudos na capital austríaca e realizar o seu sonho

O jovem violinista Cauê Régio não imaginava estudar violino em outro país até ficar sabendo que um professor viajou para Viena, na Áustria, para fazer mestrado. Desde então, começou a pesquisar conservatórios e universidades internacionais onde pudesse estudar, mas nenhum lugar do mundo chamou mais a atenção do jovem do que a capital austríaca. “Tornei-me uma pessoa apaixonada por Viena, pela tradição musical da cidade e pela incrível Orquestra Filarmônica”, revela.

Após cinco anos de planejamento, Cauê resolveu transformar o sonho em realidade. O músico saiu do Brasil pela primeira vez, sozinho, com destino à Viena, e lá foi aprovado no Prayner Konservatorium für Musik und Dramatische Kunst. Aos 19 anos, está se preparando para estudar violino com o professor Daniel Auner.

As aulas começam em setembro, mas o jovem ainda não sabe se conseguirá concretizar o seu sonho devido a dificuldades financeiras. Por isso, lançou uma vaquinha virtual e espera contar com o apoio de familiares, amigos e colegas para seguir com os seus estudos.

Aluno da EMESP Tom Jobim desde 2012, Cauê estudou violino com o professor Pedro Della Rolle, violino e técnica violinística com Paulo Calligopoulos, e música de câmara com Renato Bandel e Renato Amaral. Desde 2015, é bolsista da Orquestra Jovem do Estado.

Quer saber como ajudar o Cauê Régio? Acesse a vaquinha virtual aqui: https://goo.gl/nKIFsu

Daniel Auner e Cauê Régio durante masterclass realizada na EMESP