Orquestras Cameratas Ensembles

CAMERATA CAIPIRA

Professor responsável: João Paulo do Amaral

Dia e horário: 3ª feira, das 9h30 às 11h30

Vagas: 06

Ementa: Curso consiste na formação de um grupo regional para prática de repertório popular arranjado, com enfoque nas linguagens e ritmos da música caipira e regional brasileira (cururu, pagode-caipira, baião, guarânia, cateretê, etc).

Atividades a serem desenvolvidas: Prática de grupo com repertório e arranjos baseados nas linguagens e gêneros tradicionais da música caipira e regional. Desenvolver técnica individual, percepção e vocabulário musical nos aspectos rítmicos, melódicos, harmônicos e interpretativos.

Pré-requisitos para ingresso: Possuir leitura de cifra e partitura. Serão admitidos interessados prioritariamente nos seguintes instrumentos: viola caipira, violão, baixo, bandolim, cavaquinho, acordeom, percussão e canto popular (outros instrumentos eventualmente poderão ser aceitos dependendo da avalição do professor).

Idade mínima dos alunos: 12 anos

Tipo da Seleção: Entrevista, leitura musical e tocar uma música de livre escolha.

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

  

CAMERATA DE VIOLÕES

Professor responsável: Thiago Abdalla

Dia e horário: 4ª feira, das 15h30 às 17h30

Vagas: 07

Ementa: A criação da Camerata de Violões da EMESP tem como objetivo geral propiciar um ambiente estimulante para o desenvolvimento técnico-musical dos alunos da escola. A partir deste pensamento, constituiremos um grupo de referência para um trabalho de música de câmara com violões.

Atividades a serem desenvolvidas: Ensaiar um repertório de música de câmara abrangendo diversos estilos e períodos da história da música; propiciar um ambiente de aprendizagem mútua entre os alunos de todos os ciclos da EMESP Tom Jobim; realizar apresentações internas (instalações da EMESP) e externas (CEUs, Polos do Guri e eventos diversos); ocupar a área de gravação e produção, produzindo um material visual, de imprensa e fonográfico de alta qualidade.

Pré-requisitos para ingresso: Domínio técnico instrumental intermediário.

Tipo da Seleção: Processo de ingresso por meio de banca avaliadora. Esta banca realizará uma entrevista e avaliará a execução de:

1) uma peça de confronto;

2) uma peça de livre escolha e

3) uma leitura à primeira vista.

A peça de confronto consta de um estudo selecionado entre os 25 Estudos Op.60 de M.Carcassi, 20 Estudios Sencillos ou 10 Nuevos Estudios Sencillos de L. Brouwer.

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

  

EMEXP - ENSEMBLE DE MÚSICA EXPERIMENTAL 

Professor responsável: Alex Buck

Dia e horário: 3ª feira, das 09h30 às 11h30

Vagas: 08

Ementa: Curso dedicado ao desenvolvimento de projetos de performance ligados às práticas de criação que fazem uso das diversas modalidades de improvisação contemporâneas. Os participantes selecionados automaticamente tornam-se integrantes do grupo EMEXP (Ensemble de Música Experimental), que oferece uma intensa experiência em criação coletiva. Durante o curso, os integrantes tomam contato com técnicas contemporâneas de composição, improvisação e estratégias que estendam o espectro sonoro do grupo a partir da utilização de recursos eletrônicos (digitais e analógicos). A partir dessa instrumentalização inicial, os partícipes são estimulados a elaborar um repertório totalmente original. Cada composição indeterminada, ou improvisação estruturada, nasce do cruzamento entre as ideias dos integrantes, que são ao mesmo tempo autores e intérpretes das músicas. Em seguida, o grupo promove apresentações em circuitos e espaços dedicados à música experimental, com o objetivo de promover situações de nível profissional aos participantes.

Atividades a serem desenvolvidas:

- Apreciação de repertório de música contemporânea;
- Exercícios de improvisação dirigida;
- Vivências em improvisação livre;
- Estratégias de organização sonora;
- Elaboração de repertório autoral;
- Ensaios regulares, eventualmente em horários extra aula;
- Apresentações em circuitos e espaços dedicados à música experimental.

Pré-requisitos para ingresso: Músicos com alguma experiência em improvisação. Podem ser improvisadores que se utilizem de ferramentas diversas: instrumentistas, cantores, live-coders e compositores que se interessem em passar um ano produzindo um repertório original de música experimental.

Idade mínima dos alunos: 16 anos.

Tipo da Seleção: Entrevista e teste.

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

 

GRUPO CONTEMPORÂNEO 

Professora responsável: Sarah Hornsby

Dia e horário: 5ª feira, das 10h30 às 12h30

Vagas: 05

Ementa: Introdução, estudo e interpretação da linguagem do repertório de música de câmara dos séculos XX e XXI.  

Atividades a serem desenvolvidas: Estudos de conjunto, leitura, fraseados e diversas interpretações e compreensão do repertório abordado, visando a performance.

Pré-requisitos para ingresso: Nível técnico avançado

Idade mínima dos alunos: 16 anos

Tipo da Seleção: Prova e entrevista - peça livre escolha (não precisa ser do repertório dos séculos XX e XXI)

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

 

INICIAÇÃO DE CORDAS PARA ORQUESTRA

Professor responsável: Marcio Rampim

Dia e horário: Sábado, das 9h30 às 11h30, ou das 11h30 às 13h30.

Vagas: 28

Ementa: Possibilitar a oportunidade de um contato com o estudo de instrumentos de cordas e, também, com a linguagem musical dentro de um curso livre da EMESP.

Atividades a serem desenvolvidas:

- Reconhecimento dos sinais e saber o que representam;

- Desenvolvimento do sentido de pulsação;

- Manipulação do instrumento;

- Construção das notas no instrumento;

- Grafia de sinais musicais;

- Identificação de sons e grafa-los de modo convencional;

- Execução de peças musicais do cancioneiro folclórico, popular ou erudito;

- Apresentação — produto final — o repertório desenvolvido durante as aulas.

Pré-requisitos para ingresso: Pessoas com interesse de conhecer instrumentos de cordas (violino, viola de orquestra, violoncelo e contrabaixo).

Tipo da Seleção: Entrevista

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

 

MADRIGAL BARROCO

Professoras responsáveis: Marília Vargas / Isabel Kanji

Dia e horário: 3ª feira, das 18h30 às 20h30

Vagas: 12

Ementa: O Madrigal Barroco da EMESP é um curso livre destinado a cantores, regentes e estudantes de música interessados na prática da música de conjunto vocal,  de forma historicamente orientada. Será dada uma atenção especial ao texto, articulação, fraseado, ornamentação e toda a estética dos períodos das obras executadas. 

O repertório será escolhido de acordo com os participantes, mas englobará Corais de Bach, obras de Padre José Maurício Nunes Garcia, Madrigais renascentistas, Claudio Monteverdi, obras do Barroco Francês, entre outros. 

Atividades a serem desenvolvidas: Prática de madrigal. 

Pré-requisitos para ingresso: Ser cantor, estudante de canto, regência ou instrumentos; leitura à primeira vista.

Idade mínima dos alunos: 18 anos

Tipo da Seleção: Audição presencial e pequena leitura no primeiro dia de curso.

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

  

MÚSICA DO SÉCULO XVI PARA CANTO E CORDAS DEDILHADAS (ALAÚDE E VIOLÃO)

Professor responsável: Guilherme de Camargo

Dia e horário: 4ª feira, das 16h30 às 18h30

Vagas: 04

Ementa: O curso pretende desenvolver o repertório para voz e cordas dedilhadas (alaúde e violão) do período elizabetano, com foco primário nos cinco livros de canções do compositor inglês John Dowland.

Atividades a serem desenvolvidas: Leitura e preparação do repertório. Compreensão do tipo peculiar de escrita do acompanhamento obligato, que funciona como vozes complementares à voz principal. Reconhecimento do estilo e ornamentação. Introdução à música vocal do renascimento.

Pré-requisitos para ingresso: O aluno de canto não precisa de nenhum outro pré-requisito além de disponibilidade e interesse. Para os alunos de alaúde e/ou violão, pede-se um nível básico de performance ao instrumento, assim como leitura básica de partitura.

Idade mínima dos alunos: 15 anos.

Tipo da Seleção: Entrevista e teste.

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

 

ORQUESTRA BARROCA DA EMESP

Professor responsável: Luis Otávio

Dia e horário: 3ª feira, das 18h30 às 20h30

Vagas: 20 (vagas para violino barroco, viola barroca, violoncelo barroco, contrabaixo, cravo, cordas dedilhadas barrocas, flauta doce, traverso, oboé barroco, fagote barroco).

Ementa: Formação de um grupo estável da EMESP dedicado à música barroca interpretada com instrumentos de época.

O projeto é a formação de uma orquestra barroca que atue de forma continuada durante o ano, seja com ensaios periódicos semanais ou com concertos previamente agendados. Nessas atividades, destinadas a músicos com uma certa experiência em instrumentos antigos, será consolidado o comportamento musical especializado, correto e eficiente para um resultado de excelência na área, sob a direção do maestro Luis Otávio Santos, reconhecido violinista barroco de atuação internacional.

Atividades a serem desenvolvidas: Repertório orquestral e de câmara do período barroco. Ensaios e concertos, construção de uma orquestra barroca.

Pré-requisitos para ingresso: Alguma formação prévia com instrumentos antigos.

Tipo da seleção: Exame presencial; repertório de livre escolha (estilo barroco).

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

 

ORQUESTRA DE CORDAS

Professor responsável: Geraldo Olivieri

Dia e horário: 4ª feira, das 16h30 às 18h30

Vagas: 30 (08 primeiros violinos, 08 segundos violinos, 06 violas, 06 violoncelos e 02 contrabaixos).

Ementa:

> Este curso tem a proposta de pesquisar o repertório para instrumentos de cordas (violino, viola, violoncelo e contrabaixo acústico), abrangendo o período barroco, clássico, compositores brasileiros e arranjos da música popular brasileira. 

> Dar continuidade ao projeto "solistas da orquestra de cordas" ofertando aos alunos do 2º ciclo, serem selecionados a fazerem solos.

> Ofertar a linguagem sinfônica, com pequenas formações com alunos dos 1º e 2º ciclos, principalmente compositores clássicos, dando a experiência orquestral.

> Dar continuidade a parcerias com outros grupos da escola e trazer um mestre da instituição para solar com o grupo (esta troca de experiência é muito importante para formação dos músicos).  

Atividades a serem desenvolvidas: Concertos dentro da instituição EMESP e em teatros da cidade, um a três concertos semestrais quando houver possibilidade.

Pré-requisitos para ingresso: Os músicos precisam estar tendo aulas regulares do seu instrumento em alguma instituição. Dominar da 1º à 5º posição do instrumento e técnica básica do arco (stacatto, legatto e spicatto).

Idade mínima dos alunos: 12 anos.

Idade máxima dos alunos: 28 anos.

Tipo da Seleção: Execução de uma peça de livre escolha.

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

 

PRÁTICA DE REPERTÓRIO BARROCO E CLÁSSICO PARA INSTRUMENTISTAS MODERNOS

Professor responsável: Alberto Kanji

Dia e horário: 5ª feira, das 14h30 às 16h30

Vagas: 18

Ementa: O curso é especialmente direcionado aos jovens músicos que se interessam pela interpretação historicamente informada, mas não possuem instrumentos barrocos. Por meio da prática em conjunto, serão abordadas questões estilísticas dos períodos barroco e clássico. Espera-se assim enriquecer a formação musical dos alunos, abrindo caminho para uma visão artística mais ampla, crítica e sensível aos diferentes estilos musicais. 

Atividades a serem desenvolvidas: Será formado um grupo (uma pequena orquestra) por meio de um processo de seleção, com instrumentos modernos (arcos inclusive), onde os alunos poderão aplicar na prática as informações passadas.

Pré-requisitos para ingresso: Ter, no mínimo, nível intermediário no instrumento.

Tipo da Seleção: Prova prática (audição). Cada candidato deve executar uma peça de livre escolha do período barroco ou clássico.

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

  

TÉCNICA PARA INSTRUMENTOS DE CORDAS

Professor responsável: Thibault Delor

Dia e horário: 6ª feira, das 15h30 às 17h30

Vagas: 16

Ementa: O objetivo é preencher lacunas na formação básica dos instrumentistas de cordas.

Atividades a serem desenvolvidas: Escalas com variações de arco, de ritmo e de articulações. Técnica de mão esquerda. Sevcik tema e variações. Trabalho específico sobre articulações e dinâmicas.

Pré-requisitos para ingresso: Ter alguma base de solfejo.

Idade mínima dos alunos: 8 anos.

Tipo da Seleção: Entrevista.

Clique aqui e confira a lista de aprovados.

 

>> ACESSE AQUI OS CURSOS DAS OUTRAS ÁREAS

Copyright © 2017 | EMESP • Todos os Direitos Reservados
MENU