EMESP

MENU

Orquestra Jovem do Estado recebe o maestro Fabio Mechetti

03 de setembro de 2019

Em setembro, a Orquestra Jovem do Estado toca Samuel Barber, Wolfgang Amadeus Mozart e Dmitri Shostakovich, sob o comando do maestro Fabio Mechetti, regente titular e diretor artístico da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais. Pela primeira vez à frente do grupo, Mechetti rege os 90 bolsistas em concerto gratuito no dia 14 de setembro, sábado, às 20h, no Teatro Paulo Machado de Carvalho, em São Caetano do Sul/SP. No domingo dia 15, às 16h, a apresentação é na Sala São Paulo, com ingressos a R$30 e R$15 (meia). Garanta seu lugar em orquestrajovemdoestado.byinti.com

No repertório, Sinfonia nº 36, Linz, de Mozart, composta em apenas três dias. Mozart estava em viagem à sua terra natal, Salzburgo, com a esposa Constança e, no regresso para Viena, o casal acabou parando em Linz para visitar o conde de Thun, que fez um pedido para que Mozart se apresentasse com a orquestra local. O compositor estava sem nenhuma de suas partituras, mas, sentindo-se no dever de agradecer pela estadia decide compor uma nova sinfonia e estreá-la na ocasião.

O programa traz ainda Meditação e Dança da Vingança do balé Medeia, do norte-americano Samuel Barber, que compôs o balé devido a uma encomenda do Ditson Fund of Columbia University para Martha Graham. Posteriormente, o balé foi adaptado para uma suíte em sete movimentos e depois para uma peça de movimento único Meditação de Medeia e Dança da Vingança, que será interpretada pela Orquestra Jovem do Estado.  

A Sinfonia nº1, do russo Dmitri Shostakovich, foi a peça escolhida para encerrar o programa. Um dos principais compositores do século XX, Shostakovich compôs essa Sinfonia com apenas 19 anos como trabalho de formatura para a classe de composição de Maximilian Steinberg, no Conservatório de Petrogrado, atualmente Conservatório de São Petersburgo.

TEMPORADA COMEMORATIVA

A Orquestra Jovem do Estado comemora seu 40º aniversário em 2019 e até dezembro apresentará mais três programas sinfônicos. No mês de outubro, o grupo recebe o maestro norte-americano Ira Levin e a mezzo-soprano Denise de Freitas. Em novembro o programa da Orquestra Jovem do Estado é voltado ao público juvenil. Sob a regência de seu maestro titular, Cláudio Cruz, o grupo interpreta Guia dos Jovens para a Orquestra, de Benjamin Britten, e o famoso poema sinfônico Aprendiz de Feiticeiro, de Paul Dukas.

Para encerrar a temporada, no mês de dezembro, a Orquestra Jovem do Estado executa a Sinfonia nº 7, de Gustav Mahler. Na ocasião, também será feito o anúncio dos vencedores do 8º Prêmio Ernani de Almeida Machado. Mais informações sobre os próximos concertos em www.emesp.org.br/eventos